Marca Pessoal – Personal Branding

Personal Branding ou marca pessoal é um conceito no qual uma pessoa administra a sua imagem como uma marca.

Esse conceito é muito bem explorado no livro Personal Branding de Arthur Bender.

Aqui um super resumo desse conceito

  1. Quer queira ou não, você é uma marca disponível no mercado de trabalho.
  2. Quem determina essa marca é você.
  3. Definir a sua marca é um profundo exercício de auto-conhecimento: O que você gosta e não gosta. No que você é bom e naquilo que você não é. Estilo de atuar.
  4. Identificada a marca você precisa cuidar dela. Você é conhecido? Como você é visto? Pelos pontos positivos ou negativos?
  5. Conhecendo o produto, a marca e o posicionamento no mercado cabe a  você atuar para salientar os aspectos positivos do produto: Você mesmo.
  6. Como em marketing, um produto mal trabalhado tende a extinção.
  7. Gestão de produto é o nome do jogo.
  8. Aparência pessoal e do local de trabalho contam.
  9. Relacionamento pessoal e networking são essenciais.
  10. Escolhas profissionais corretas fazem a diferença.
  11. Paixão pelo que faz é fator crucial.
  12. Dirija a sua carreira. Nunca delegue a gestão dela.
  13. Você passa sinais de sua marca pessoal o tempo todo. Nunca faça coisas que a prejudiquem. Pode ser irreversível.
  14. Você precisa ter noção da realidade. Não basta achar que é um bom produto. Tem que avaliar a visão do mercado.
  15. Tenha sempre objetivos a atingir. Quanto maiores melhor
  16. Pense e aja como uma empresa que precisa de clientes.
  17. Não seja mediano.
  18. Ocupe espaços. Toda a empresa tem espaços vazios.
  19. Concentre-se no que existe de melhor.
  20. Invista em seus pontos fortes
  21. Nunca engane a audiência.
  22. Divulgue suas realizações, mas sem exageros.
  23. Estabeleça e mantenha um foco em sua marca pessoal.
  24. Não dá para ser tudo para todos. Foco!
  25. Todas as pessoas de sucesso têm foco.
  26. Seja diferente de tudo que está ai.
  27. Tenha percepção pessoal e da sua marca.
  28. Aprenda a ouvir.
  29. Prepare-se para ouvir coisas que não queria.
  30. Pense a médio e longo prazo.
  31. O problema é você ou a empresa? Pode ser a empresa.
  32. Desprenda-se do cartão de visita.
  33. Não ligue para os luxos passageiros.
  34. Avalie constantemente o seu posicionamento no mercado.
  35. Busque exposição para seus pontos fortes.
  36. Ocupe o território.
  37. Não despreze desafios.
  38. Não dá para fazer de tudo.
  39. Seu valor depende dos outros.
  40. Construa sua rede de contatos.
  41. Estabeleça espelhos para enxergar.
  42. Use a rede como fonte de conhecimento.
  43. Use a rede como benchmark.
  44. O valor está na diferença.
  45. Ser tudo é não ser nada.
  46. Construa uma história.
  47. Cultive seus defeitos.
  48. Entenda a lógica do mercado.
  49. Faça algo que tenha valor no mercado.

liNão despreze desafios.

li

Esta entrada foi publicada em Carreira, Empregabilidade, Marca Pessoal, Vida pessoal e marcada com a tag , . Adicione o link permanenteaos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>